Estão verdes, não prestam.

Coração da Caldeiroa, Julho de 2017. Fotografia de Álvaro Prado.
Não era autóctone, dizem. Foi abaixo. Será que a seguir também vão abaixo todas as árvores não autóctones dos nossos jardins públicos? As japoneiras e os jacarandás dos jardins de Vila Flor? Ou será que que já andam a afiar os dentes das serras para se atirarem aos lódãos da Avenida?

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.