A nêspera (8)


Um dos problemas da nêspera é a estreita janela de tempo em que pode ser consumida, o que faz com que se perca uma boa quantidade deste fruto tão antigo e tão especial. No entanto, há maneiras de o conservar, acrescentando-lhe valor. Já vimos como se faz geleia de nêspera, agora veremos como se transformam as nêsperas sorvadas numa conserva de fruta com a consistência e o aspecto da marmelada, embora com um sabor algo diferente.

Os ingleses chamam-lhe
medlar cheese mas, ao contrário do verdadeiro queijo, não é feito com leite, mas sim com nêsperas e açúcar, e usam-no como acompanhamento de carnes, de queijos ou, simplesmente, como doce de sobremesa, que acompanha com nozes e vinho do Porto. A receita é relativamente simples (o que dá mais trabalho é separar a polpa da fruta da casca e dos caroços, mas não será canseira de grande monta, se se cozerem primeiro as nêsperas). Aqui fica:

Utilizam-se nêsperas sorvadas, isto é, no ponto em que já podem ser degustadas. Depois de lavadas em água corrente, colocam-se inteiras numa panela. Desfazem-se com um esmagador de batatas, junta-se cerca de 750 ml de água fria, mistura-se bem e deixa-se cozer durante cerca de 20 minutos, de modo a que a polpa se desprenda por completo da casca e das sementes. Passa-se o puré que se formou por uma peneira ou um coador. Pesa-se e adiciona-se metade do peso de açúcar. Neste ponto, pode-se juntar uma pitada de sal, sumo de um limão, e/ou pimenta da Jamaica ou all spice (uma mistura de especiarias com cravinho, canela, noz moscada e gengibre), raspa de casca de laranja. Leva-se de volta ao lume, para o açúcar se dissolver, mexendo para evitar que pegue ao fundo. Quando atingir o ponto desejado, verte-se em formas, ainda quente (aqui, todo o cuidado será pouco, li algures, e depois arrependi-me de me ter esquecido do que li, que é como lava derretida…). Deixa-se esfriar, pelo menos uma noite. Quando estiver em ponto de ser desenformado, embrulha-se em papel vegetal e deixa-se secar. Ficará com a consistência da nossa marmelada. Aguenta muito tempo. A fotografia que vai acima foi tirada hoje e mostra o medlar cheese que preparei há um ano. E o tempo só o melhorou.

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.