12 de abril de 2013

Escritores vimaranenses (66): Padre Torcato Peixoto de Azevedo


P. TORCATO PEIXOTO DE AZEVEDO, Presbítero secular, versado na História e Genealogia. —Foi natural de Guimarães, onde nasceu a 2 de Maio de 1622, e Morreu a 23 de Junho de 1705.—E.
Memórias resuscitadas da antiga Guimarães. Porto, Typ. da Revista 1845. 8.° gr. de IV-512 pág.
Nesta edição veio enfim a publicar-se ao cabo de cento e quarenta anos, passados depois da morte do autor, esta obra até então inédita, e que poucos conheciam. O editor, a cuja diligência se deve tal publicação, reconhece na sua advertência preliminar ao leitor, que este escrito não pode ser considerado por seu mérito literário, nem mesmo tem o propósito da novidade: que o autor é difuso e prolixo nas suas digressões, etc. Contudo entendeu (e creio que todos concordarão com ele) que fazia algum serviço as letras publicando-o; por isso que a propagação de notícias dispersas e até agora ocultas sobre coisas da nossa terra, tem sempre muito de proveitosa. Esta consideração dobra de peso, se ponderarmos que não havia ainda impresso trabalho algum especial, e de momento sobre a topografia e historia daquela antiga povoação, hoje condecorada com o título de cidade, e que se ennobrece com a glória de ter sido a primeira corte dos nossos príncipes, e pátria do nosso primeiro monarca D. Afonso Henriques.
Dicionário Bibliográfico Português, de Inocêncio Francisco da Silva, continuado e ampliado por Pedro V. de Brito Aranha, Tomo VII, Imprensa Nacional, p. 375
Partilhar:

0 comentários: