22 de junho de 2011

Largo da Misericórdia (2)

O Largo da Misericórdia, provavelmente na década de 1910.
(clicar para ampliar)

Em Abril de 1915, o Comércio de Guimarães dava conta de queixas, aliás recorrentes, de que, na cidade, “a erva é tanta, e tão espessa, que há ruas onde o gado pode pastar!”. O Largo da Misericórdia encontrava-se entre esses espaços que podiam servir para pasto de animais. A foto acima demonstra que servia mesmo...
Partilhar:

0 comentários: