6 de novembro de 2009

"O tempo que se perde, não se torna mais a achar"


"O período que permeia entre a data actual de apresentação da candidatura à atribuição do título de Capital Europeia da Cultura e o ano de celebração desse título, em 2012, será o TEMPO adequado para impulsionar novas forças de actividade cultural na cidade e no concelho, no sentido, nomeadamente, de criar condições para a sustentabilidade do projecto da Capital."
Do documento de Candidatura de Guimarães a Capital Europeia da Cultura.

Partilhar:

0 comentários: