22 de fevereiro de 2008

Outros Carnavais: o de 1857 (4)

Baile. – No dia 12 do corrente, houve um lindo e variado baile de máscaras em casa da Exma. condessa de Basto.

[A Tesoura de Guimarães, n.º 47, Guimarães, 17 de Fevereiro de 1857]

Baile de máscaras. – Continuam domingo 22 e terça-feira 24 do corrente os bailes de máscaras no teatro de D. Afonso Henriques. Afirmam-nos, que há-de haver concorrência, e máscaras de bom gosto.

[A Tesoura de Guimarães, n.º 48, Guimarães, 20 de Fevereiro de 1857]

Música e foguetes. – No Domingo pelas 4 horas da manhã fomos despertados pelos sons marciais da música de caçadores N. 7, e pelo estrondo dos foguetes, que na mesma ocasião eram lançados ao ar.

Acreditámos, que isto havia de causar satisfação a pouca gente porque sendo esta uma hora de descanso, ninguém pode achar divertimento, quando exista o incómodo.

Máscaras. – No mesmo dia à tarde correram as ruas desta Cidade diversos máscaras, entre estes houve três danças, levando a palma o baile denominado – dos velhos – não só porque iam muito bem vestidos, mas até pelo chiste da dança.

Teatro. – Quase lodos os máscaras com pequena excepção, que de tarde tinham aparecido nas ruas da cidade, e muitos outros de bom gosto concorreram à noite ao teatro de D. Afonso Henriques, de sorte que o palco não linha capacidade pura os acomodar. - Dançou-se muito, e bem; ficando satisfeitos os espectadores, e não menos a direcção do teatro, porque houve completa enchente.

Soirée. – O de quinta-feira passada em casa do exmo. sr. J. J. Machado Ferraz foi muito concorrido, e esteve animado.

Outro. - Não o foi menos, o que teve lugar ontem em casa do ill.mo sr. dr. Albuquerque: em ambos se viram máscaras de muito bom gosto.

[A Tesoura de Guimarães, n.º 49, Guimarães, 24 de Fevereiro de 1857]

Partilhar:

0 comentários: