Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2003

Nos 150 anos da elevação a cidade

Acabam de passar 150 anos sobre a data em que a rainha D. Maria II assinou a carta de lei que manda dar cumprimento ao decreto através do qual elevou Guimarães à condição de cidade. Ao contrário do que sucede nos tempos modernos, em que a classificação dos aglomerados populacionais depende da respectiva dimensão demográfica (uma cidade é mais populosa do que uma vila que, por sua vez, tem mais gente do que uma aldeia), a condição de vila ou de cidade herdada dos tempos medievais não dependia de quantitativos populacionais. No final da Idade Média e ao longo dos séculos seguintes, a vila de Guimarães tinha uma vida urbana florescente, assumindo-se como uma das terras mais povoadas do reino. No Numeramento mandado fazer por D. Manuel I, em 1527, a norte do rio Tejo só havia três cidades mais populosas do que Guimarães: Lisboa, Porto e Santarém. Na mesma altura, o número de habitantes de Braga andava por metade dos do velho burgo vimaranense, o que não impedia que Guimarães fosse classifi…